terça-feira, 31 de agosto de 2010

Leitura complementar à aula sobre introdução à Farmácia Clínica

Pessoal, segue o link para o capítulo do livro de Farmácia Clínica do pessoal do Chile. A leitura é complementar à primeira aula.
Ruiz Alvarez, I. Farmacia Clínica, sus objetivos y perspectivas de desarrollo. In: Orrego-Arancíbia, A. et al. (Org.) Fundamentos de Farmacia Clínica. Facultad de Ciencias Químicas y Farmacéuticas, Universidad de Chile, 1993. Disponível em: http://mazinger.sisib.uchile.cl/repositorio/lb/ciencias_quimicas_y_farmaceuticas/arancibiaa01/
Boa leitura

Um comentário:

  1. Lendo a bibliografia disponibilizada me deparei com o trecho: " Esta educación debe realizarse en el momento de la dispensación, y de ahí que en algunos escritos se mencione que en la oficina de farmacia el farmacéutico debe hacer una dispensación informada de los medicamentos, sean éstos solicitados por medio de una prescripción médica o por iniciativa propia del individuo."
    O tópico trata das funções exercidas pelo farmacêutico clinico e o trecho apresentado mais especificamente trata do papel do farmacêutico clinico na farmácia comunitária.
    Diante do exposto fiquei em duvida quanto a diferença entre farmácia clinica e atenção farmacêutica.
    Pq na minha concepção elas são a mesma coisa, melhor, atenção farmacêutica é uma das atividades q o farmacêutico clinico desempenha.
    A farmácia clinica teria um conceito bem mais amplo e atenção farmacêutica estaria dentro da farmácia clinica.
    A linha de raciocínio está correta?

    ResponderExcluir